7 Passos do Processo de Tomada de Decisão

Sempre tome decisões que priorizem a sua paz interna.

izey victoria odiase

Robert Frost escreveu uma vez: “Dois caminhos divergiam na floresta, e foi pelo caminho menos percorrido, o que fez toda a diferença”. Mas infelizmente, nem toda decisão é tão simples quanto: “Vamos pegar este caminho e ver onde leva”, especialmente quando a decisão é referente ao seu negócio.

Quer seja o gerente de um time pequeno ou o líder de uma grande empresa, o seu sucesso e o de sua companhia dependem de que tome as decisões corretas – e aprenda com as que foram erradas.

Use estes passos do processo de tomada de decisão para ajudá-lo a tomar melhores decisões. Estará melhor prevenido contra decisões precipitadas e melhor instruído.

Visão Geral da tomada de decisão

Índice

O processo de tomada de decisões empresarial

O processo de tomada de decisões empresarial é um processo passo-a-passo que permite aos profissionais resolverem problemas pesando as evidências, avaliando alternativas e escolhendo o caminho a ser seguido a partir daí. Este processo também dá a oportunidade, no final, se foi a opção correta.

Os 7 processos da tomada de decisão

Embora haja diferentes variações do processo de tomada de decisões circulando pela internet, em livros empresariais e em apresentações sobre liderança, os profissionais geralmente usam estes sete passos.

Identificar a decisão

Para tomar uma decisão, primeiro precisa identificar o problema a ser resolvido e a pergunta que precisa responder. Defina claramente a sua decisão. Se não identificar corretamente o problema a ser resolvido ou se o problema que escolheu é muito amplo, deixará que o trem da escolha das decisões saia dos trilho antes mesmo de sair da estação.

Se precisa atingir uma meta específica com a sua decisão, faça com que seja oportuno e mensurável para ter certeza de que alcançou a meta no final do objetivo.

Pegar informações relevantes

Uma vez identificada a decisão, é importante recolher as informações necessárias à escolha. Faça uma pesquisa interna, vendo onde a empresa teve sucesso ou falhas nas áreas relatadas à sua opinião. Procure, também, informações de fontes externas, incluindo estudos, pesquisas de mercado, e, em alguns casos, pergunte a opinião de consultores externos.

Atenção: pode ser que se perca no meio de tanta informação – fatos e estatísticas que parecem ser aplicáveis a sua situação podem só complicar ainda mais o processo.

Identificar as alternativas

Com informação relevante em mãos, identifique as soluções possíveis para o problema. Geralmente há mais de uma opção a ser considerada quando for tentar cumprir um objetivo, por exemplo, se a empresa está tentando ganhar mais engajamentos na mídia social, suas alternativas podem incluir o pagamento de anúncios sociais, uma mudança na sua estratégia orgânica de mídia social ou uma combinação destes dois.

Pesar as evidências

Quando tiver identificado as múltiplas alternativas, pese as evidências favoráveis e contrários à alternativa. Veja o que as empresas fizeram no passado para terem sucesso em suas áreas e analise friamente as vitórias e fracassos de sua empresa. Identifique gargalos em potencial de cada uma das suas alternativas e pese-as contra as possíveis recompensas.

Escolher dentre as alternativas

Esta é a parte do processo onde você toma a decisão. Com sorte, você já identificou o que precisa ser feito, pegou todas as informações relevantes e considerou todos os caminhos a serem tomados. Então, estará completamente apto a escolher.

Partir para a ação

Quando tiver tomado a sua decisão, parta para a ação! Desenvolva um plano para tornar a sua decisão tangível e alcançável. Faça um plano de projeto relacionado à sua decisão e divida as tarefas com a equipe quando o plano estiver pronto.

Rever sua decisão

Depois de bastante tempo – que definiu no primeiro passo – dê uma olhada na sua decisão. Resolveu o problema? Respondeu à sua pergunta? Alcançou os seus objetivos?

Se sim, tome notas para referências futuras. Caso contrário, aprenda dos seus erros e comece todo o processo novamente.

Ferramentas para tomar decisões melhores

Dependendo da decisão, pode ser que queira pesar as evidências usando uma árvore de decisão.

Uma matriz de decisão é outra ferramenta que pode te ajudar a analisar as suas opções e tomar decisões melhores.

Também pode criar uma lista com os prós e contras, e verificar, com clareza, se as suas opções atendem aos critérios necessários ou se apresentam um alto risco.

Com estes 7 passos e as ferramentas adicionais, você estará apto a tomar melhores decisões, e, mais rápido.

Fonte: LucidChart

Autor: jean cavalcante

Formado em Ciência da Computação. Fluente em inglês. Sei ler textos escritos em francês e espanhol quase que totalmente transquilamente. Gosto de aprender de tudo um pouco e nesta onda tenho conhecimentos técnicos e práticos no mercado financeiro; gosto de ler ficção, aventura, ciência, filosofia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.